No próximo dia 27/11, teremos a primeira edição do ALM Summit Brasil. Se você não sabe bem o que é ALM ou ainda está em dúvida de vale a pena ir ou não, confira abaixo um raio-x do evento.

O que é ALM?

ALM ou Application Lifecycle Management nada mais é do que um conjunto de práticas distribuídas entre 3 pilares: Pessoas, Processos e Ferramentas. São esses pilares que suportam uma aplicação desde o seu nascimento até o momento que ela deixa de ser utilizada.

Legal, ficou um pouco teórico, vamos ver um exemplo prático: Podemos dizer que quando alguém tem alguma ideia ou necessidade e esta vai para um portfolio de projetos, o seu ciclo de vida já começa a ser gerenciado e a governança começa atuar sobre ele. Em seguida esse projeto será priorizado, estimado, os requisitos serão levantados, a aplicação será construída e colocada em produção. Neste instante, a aplicação deixa de ser um projeto e vai para o portfolio de aplicativos, pois ela passa a ser um ativo da empresa, ela já começa a gerar algum ROI (Retorno sobre Investimento), seja ele financeiro ou não. Porém, o ciclo não acaba aí. Precisamos monitorar essa aplicação o tempo todo para avaliarmos se vale a pena mantê-la ativa, se ela precisa de evoluções, se o custo de manutenção está muito alto ou se ela não dá mais nenhum retorno e já pode ser descontinuada.

Resumindo, se você é um gerente de projetos, desenvolvedor, arquiteto, tester, analista de negócio, profissional de infraestrutura ou desempenhe qualquer outro papel necessário para desenvolver um software, você está usando alguma das práticas do ALM. Scrum, CMMi, PMBoK, TDD, Integração Contínua, IoC, Gerenciamento de Portfolio de Projetos, .NET, Java e todos os demais frameworks, práticas, técnicas e tecnologias que você conhece estão debaixo do guarda-chuva do ALM.

Qual o propósito do evento?

Esse evento tem o objetivo de ser um evento anual, onde discutiremos as tendências e desafios do ALM no Brasil e no mundo. Esta primeira edição foi inspirada no ALM Summit americano que contará com grandes nomes do mercado como Ken Schwaber (criador do Scrum), Brian Harry (pai do Team Foundation Server), Dave West (Analista da Forrester, uma das líderes mundiais em pesquisa de mercado) e Tony Scott (CIO da Microsoft).

Na edição 2010, teremos duas sessões gerais, vamos reproduzir 7 palestras do ALM Summit americano, teremos também 3 palestras inéditas com alto conteúdo técnico e por fim teremos uma sessão chamada ASK THE EXPERTS, onde o público poderá esclarecer suas dúvidas com os palestrantes do evento.

Visão Geral da Programação

O evento começará com uma sessão geral, onde Rodrigo de Carvalho (Microsoft) e Giovanni Bassi (Lambda3) falarão sobre as tendências e desafios do ALM. Eles também farão um overview de como foi o ALM Summit americano e por fim, o Paulo Yamada (Secretaria da Fazenda – SP) comentará sobre uma implantação de ALM realizada na SeFaz-SP.

Em seguida partiremos para as palestras simultâneas. Teremos duas tracks, sendo uma extremamente técnica e outra abordando conceitos, negócios e algum conteúdo técnico também.

Nas sessões de antes do almoço teremos 4 palestras cobrindo o ALM em ambientes heterogêneos, falando sobre o uso do ALM com Java, Linux, Mac, etc. Teremos palestras falando sobre testes em ambientes ágeis, continuous delivery que é um conceito um pouco além da integração contínua e teremos um palestra que entrará bem a fundo na customização de relatórios do TFS.

Após o almoço teremos mais 4 palestras. Do lado técnico, teremos uma focada na customização avançada de Work Items e outra também focada na customização avançada do Team Build. Na sala de negócios, teremos outras duas falando sobre o verdadeiro conceito por trás do ALM e sobre os estilos de gerenciamento de projetos e desenvolvimento colaborativo. Simplesmente imperdível!

Ao final, teremos outra sessão geral, onde Giovanni Bassi fará uma reprodução da palestra de Ken Schwaber falando sobre a 3ª década do Scrum e finalizaremos com o Ask The Experts.

Escolha dos Palestrantes

O comitê de organização do evento selecionou as principais palestras do evento americano, em seguida incluímos alguns temas que raramente são comentados em palestras devido a sua alta complexidade técnicas e por fim selecionamos os melhores nomes para os assuntos no país. E como vocês podem ver na grade do evento, temos 3 ALM Rangers, 4 MVPs, e 4 Funcionários da Microsoft Brasil. Sem dúvida, são os maiores nomes de ALM e TFS no Brasil!

Preço

O evento tem um custo simbólico de R$ 70,00 até o dia 12/11. Esse custo é apenas para ajudar a pagar despesas operacionais do evento, coffee break, além de ser revertido em brindes para os participantes (quem se inscrever até 12/11 ganhará uma linda camisa polo do evento).

Após 12/11 o valor de inscrição vai para R$ 100,00.

Por que você deveria participar do evento?

  1. É o primeiro evento focado 100% em ALM do Brasil;
  2. Os maiores nomes de ALM do Brasil estarão presentes;
  3. O custo do evento é insignificante. Apenas R$ 70,00 contra 1495 dólares no evento americano;
  4. Alto conteúdo técnico. Serão as primeiras palestras nível 400 em português do sobre Team Build, Work Items e Reporting;
  5. Todos os aspectos do ALM serão cobertos: Pessoas, Processos, Ferramentas, Governança, Desenvolvimento e Monitoração;
  6. Práticas ágeis como continuous integration, continuous delivery, tdd, entre outras serão abordadas em profundidade;
  7. Você terá uma sessão dedicada para tirar dúvidas com os maiores especialistas no assunto;
  8. A possibilidade de networking com os palestrantes e com o público é sensacional.
  9. Acho que já é suficiente né?

Inscrições

Você pode pagar em boleto bancário, transferência eletrônica e cartão de crédito. Acesse já o site do evento e faça a sua inscrição. http://www.alm-summit.com.br

Até lá!
André Dias