DevOps Summit Brasil 2016: +10 Ferramentas para Melhorar a Qualidade de seu Software

capa-palestra-devops-summit-brasil

No último final de semana, tivemos a primeira edição do DevOps Summit Brasil 2016. Foi um evento de 2 dias e eu tive o prazer de palestrar no segundo dia sobre o tema que é o título deste post.

Logo após encerrar a minha palestra que apresentou ferramentas como Code Analysis, Code Clone, Code Metrics, IntelliTest, Code Coverage, Selenium, Application Insights e SonarQube, comecei a ter feedbacks de pessoas que estavam muito interessadas em assistir o conteúdo, mas que não puderam porque a sala estava um pouco cheia.

sala-cheia-devops-summit andre-dias-devops-summit

Para que ninguém se sinta prejudicado e mesmo para que os que não puderam comparecer ao evento tenham acesso ao conteúdo, decidi gravar a palestra e disponibilizar aqui no blog.

Abaixo vocês podem ter acesso aos slides e também a gravação da palestra.

Slides

Vídeo

Espero que gostem.

Abraços
André Dias

DevOps Self Assessment

Esta semana, a Microsoft liberou um hotsite específico para DevOps. Logo de cara podemos ver uma rápida explicação sobre o assunto, destacando que o termo é mais que tecnologia ou um conjunto de ferramentas, afirmando que é uma mentalidade que requer uma evolução cultural e que pessoas, processos e ferramentas podem tornar o ciclo de vida das aplicações mais rápidos e previsíveis.

Dev_ops590x590

Nada de novo, mas é interessante ver como a Microsoft está entregando a mensagem correta, abordando a origem do DevOps e sem empurrar ferramentas.

devops-book-ms

O hotsite traz ainda um paper da Forrester sobre infraestrutura como código (Infrastructure as Code) e disponibiliza um e-book com o título “From Agile to DevOps at Microsoft Developer Division”, que conta como a Divisão de Desenvolvimento da Microsoft, que entregava releases anuais de software on premisse, se tornou um provedor SaaS com continuous delivery em núvem publica. O livro cobre ainda as práticas de engenharia, ferramentas e culturas que a Microsoft precisou evoluir para se transformar para a segunda década da agilidade.

Por último, mas não menos importante, temos a disponibilização do DevOps Self Assessment, um questionário bem simples, com pouco mais de 20 perguntas, para você saber como está a maturidade do DevOps dentro da sua empresa, quais áreas podem ser melhoradas e, o principal, como você pode melhorá-las.

Assessment DevOps

Esteja preparado para responder questões sobre:

  • Production First Mindset
  • Backlog Groomed with Learning
  • Evidence Gathered in Production
  • Flow of Customer Value
  • Team Autonomy and Enterprise Alignment
  • Managing Technical Debt
  • Managing Infrastructure as a Flexible Resource

E ainda não acabou, lá no final do hotsite, bem no final mesmo, você pode ler um Estudo de Caso da Xerox e acessar um outro paper da Forrester sobre o Release Management.

Diversão garantida para consultores, empresas que querem adotar DevOps e entusiastas do assunto.

Abraços e até a próxima
André Dias

Microsoft Hackathon DevOps – Como foi?

Quem já trabalhou em algum departamento de TI, deve ter presenciado pelo menos uma discussão entre “Desenvolvedores e Designers”, “Desenvolvedores e Testadores”, “Desenvolvedores e Profissionais de Infraestrutura” ou até mesmo entre “Desenvolvedores e Desenvolvedores”.

Agora vamos analisar: se os desenvolvedores não se dão bem nem com eles mesmos, qual a chance de sair algo produtivo ao se misturar Developers e IT Pros que nunca se viram, utilizando as mais variadas tecnologias, com o objetivo de colaborarem o tempo todo para entregarem um projeto em apenas 2 dias?

devops

Parece utopia, mas no último final de semana, Microsoft e Globalcode organizaram um Hackathon de DevOps que conseguiu essa proeza. Um evento com palestras sobre vários assuntos, mentores para suportar as plataformas Microsoft e Java e aproximadamente 40 pessoas divididas em 10 times.

O resultado foi algo que eu jamais tinha visto: Profissionais colaborando o tempo todo, não importando se o seu papel estava mais para Dev ou para Ops, se a tecnologia era Open ou Microsoft, o objetivo era entregar o projeto e para isso alguns times trabalharam durante a noite, ignoraram o coffee break e alguns até adiaram o almoço. Isso sem ganhar um centavo e “trabalhando” no final de semana.

Em poucas horas, esses profissionais conseguiram montar um ambiente de desenvolvimento, publicar uma solução na nuvem e monitorá-la tanto do ponto de vista técnico quanto de negócios de forma 100% automatizada. Algo que grandes empresas sonham há tempos, esses profissionais fizeram em apenas 2 dias.

alm-devops

Algumas frases que ouvi durante o fim de semana, resumem o evento.

  • “Eu não sabia que eu podia trabalhar assim. Eu descobri uma forma muito melhor de realizar o meu trabalho, uma forma que me dá prazer.”
  • “Eu como IT Pro me senti parte do projeto, não apenas aquele cara que recebe um chamado para instalar um servidor quando o projeto já acabou. Eu pude influenciar algumas decisões.”
  • “Eu gostaria de mais tempo…”
  • “Eu quero aplicar isso no meu trabalho amanhã…”
  • “Desenvolvedores e IT Pros trabalhando lado a lado são muito produtivos. As coisas saem na hora e acaba aquela burocracia que as empresas nos impõe”
  • “A produtividade que as ferramentas dão é fora do comum, eu fiz coisas aqui em dois dias que eu não faria em meses na minha empresa”
  • “Para subir um servidor na minha empresa eu demoro 22 dias, aqui eu subi vários em horas”

Sem dúvida, ouvir comentários como estes traz a sensação de dever cumprido, mas ao assistir a apresentação final, a satisfação é ainda maior. Me lembro claramente de olhar para a Yara Senger em uma das apresentações de Java e, mesmo sem falarmos uma palavra, os dois acenaram a cabeça querendo dizer “Como esses caras conseguiram fazer isso?”.

DevOps Hackathon

No fim, tivemos um “empate técnico” entre 2 grupos, mas como as regras do evento não permitiam um empate, novas premiações surgiram e além dos celulares Lumia 1320, os grupos vencedores ainda ganharam a oportunidade de apresentarem suas soluções no TechEd Brasil 2015. Quer prêmio melhor que esse? 🙂

Quero deixar aqui o meu agradecimento ao Vinicius Apolinário da Microsoft, ao casal Senger da Globalcode pela oportunidade de participar de um evento como esse e principalmente a todos os participantes pelo empenho e comprometimento durante todo o evento.

Pra quem não pode participar, segue abaixo os slides da minha palestra com o tema DevOps – Colaboração, Automação, Redução de Custo e Aumento de Produtividade em 40x.

Valeu galera! Foi muito bom!
Até a próxima.

Microsoft Hackathon DevOps

Quer aprender um pouco mais sobre DevOps?

Semana que vem, dias 5 e 6 de Dezembro, teremos um Hackathon de DevOps que está sendo realizado através de uma parceria entre a Microsoft e a Globalcode.

Teremos várias palestras, desenvolvedores e profissionais de infraestrutura trabalharão lado a lado para implementar uma solução de DevOps e os integrantes da equipe vencedora ganharão um Nokia Lumia 1320.

Ficou interessado, faça a sua inscrição no site do evento e aguarde a confirmação.

webcast devops

Quer saber um pouco mais sobre o assunto? Vejo os slides do bate papo que o Vinicius Apolinário, Edson Yanaga e Eu tivemos sobre DevOps e sobre o evento.

Em breve o vídeo estará disponível.

Abraços e até a próxima!

Reduzindo custos e aumentando a produtividade com ambientes de dev / test no azure

Nos dias 10 e 11 de Outubro, tivemos mais uma edição do Azure Summit Brasil 2014.

Foi um evento muito bacana onde no primeiro dia tivemos o conteúdo 100% focado no público executivo, enquanto no segundo dia o foco foi no público técnico.

Tive a oportunidade de palestrar como organizador e palestrante e abaixo vocês podem acompanhar os slides e vídeo da minha palestra onde mostrei como TFS, Lab Management, Release Management, System Center e Azure podem trabalhar de forma integrada para ajudar a sua empresa a aumentar a produtividade e reduzir custos com ambientes de Dev/Test.

Espero que gostem.

Abraços e até a próxima.

DevOps. Isso realmente existe?

Em 31/05 tivemos o #MSTechDay realizado na sede da Microsoft Brasil. Um evento divido em 3 trilhas (Cloud, Modern Apps e Games) e totalmente alinhado com a nova estratégia da Microsoft de Mobile First,  Cloud First.

Neste evento tive a oportunidade de palestrar junto com o Danilo Bordini e Vinícius Apolinário para apresentar a nova mensagem da Microsoft sobre DevOps.

Falamos sobre o conceito de DevOps, comentamos sobre os benefícios para Startups e para o mundo Corporate e fizemos uma série de demonstrações explicando como os produtos da linha System Center, ALM, Microsoft Azure e Open Source podem trabalhar de forma integradas para implantar o conceito.

Abaixo temos os Slides e Vídeos da apresentação.

Slides

Vídeo – Parte 1

Vídeo – Parte 2

Espero que gostem.

Até a próxima,
André Dias

Continuous Delivery para Windows Azure usando Team Foundation Service e Git

Como mencionei no post anterior, no último 16/03 aconteceu o Azure Summit Brasil 2013, evento em que tive a oportunidade de participar como organizador e como palestrante.

IMG_8931 (2048x1365)

Na minha palestra, abordei um assunto que já venho falando há algum tempo: Continuous Delivery. Porém, desta vez, optei por tratâ-lo de uma forma mais conceitual onde comentei sobre as diferenças entre os conceitos de Build, Build Server, Continuous Integration, Continuous Deployment e Continuous Delivery, além de abordar alguns patterns e anti-patterns de deployment.

Outra mudança foi o foco da palestra, onde o ALM foi deixado como coadjuvante dando grande espaço ao Windows Azure, em que demonstrei as práticas de Continuous Delivery com Cloud Services e Azure Web Sites integrados com Team Foundation Service e Git. 

Para você que ficou interessado e gostaria de assistir ou que já acompanhou ao vivo e gostaria de ver novamente, deixo abaixo dois links para os slides e para a gravação da palestra.

Slides

Vídeo

Abraços e até a próxima.
André Dias

Teched 2011 – Implantando Continuous Delivery com TFS

Pessoal, muito obrigado a todos que puderam participar da palestra DEV307 -Implantando Continuous Delivery com TFS, realizada por mim e pelo Igor Abade. Espero que vocês tenham gostado.

Segue abaixo os slides da palestra, além de alguns links importantes.

 

Até a próxima,
André Dias