Como vocês já devem saber, no período de 4 a 8 de Julho, teremos uma nova edição do TDC (The Developers Conference), um evento realizado anualmente pela GlobalCode, com 5 dias de duração, com 35 trilhas e 240 palestras cobrindo assuntos das mais diversas tribos. Sem dúvida, um dos maiores eventos de TI do país. Quer aprender sobre robótica, cloud computing, tv digital, games, .net, java, python, ruby, scala, isso mesmo, scala? Apareça por lá!

 The Developers Conference 2012, um evento organizado pela Globalcode

Com toda essa diversidade tecnológica, eu me sinto obrigado a dizer: Você precisa ir a esse evento. Mesmo que você seja um cara muito bom no que você faz atualmente, sem dúvida, você será iniciante em algum outro assunto e o TDC é um ótimo lugar para você conhecer pessoas e assuntos novos.

Minha recomendação? Se possível, vá todos os dias ao TDC, mas se você puder ir apenas um dia, vá na quinta-feira (05/07) e assista a trilha de ALM. Não acredita em mim? Vou listar alguns motivos e te convencer que você deve assistir essa trilha:

ALM vai te tornar um profissional melhor

No meu dia a dia, como consultor de ALM, eu preciso conversar com diversos perfis diferentes, entre eles: desenvolvedores, arquitetos, testadores, profissionais de infraestrutura, DBAs, analistas de negócio, de processo, gerentes, diretores e até CIOs. E não é só conversar, eu preciso entender quais são as suas necessidades, propor melhorias e fazer a coisa acontecer.

Não é um trabalho simples. Muitas vezes você precisa mexer na cultura e no processo da organização. Você precisa mudar a forma com que as pessoas trabalham e acho que você já consegue perceber o problema que é para um estranho chegar na empresa e dar “pitacos” no trabalho de todo mundo.

Será necessário discutir melhores técnicas ou ferramentas de qualidade com o testador. Em algum momento durante uma automação, você vai precisar de um acesso administrativo e o DBA ou o ITPro vai barrar e você vai precisar convencer esses caras, ou as vezes precisará convencer o chefe, do chefe, do chefe desses caras que isso vai trazer benefícios e não retirar poderes deles. Enfim, você terá que ter um conhecimento mínimo de todas essas áreas para conseguir o respeito dessas pessoas, afinal, linhas de código vão virar bolinhas verdes ou vermelhas no scorecard dos diretores e eles terão que confiar nessas informações para tomar decisões.

Neste momento, você deve estar com um destes sentimentos completamente antagônicos: ou você já desistiu da área de ALM, pois vai dar muito trabalho estudar esse monte de coisas ou está vendo um grande desafio e diversão por muitos anos.

ALM vai te dar diversão por vários anos

Pois é, eu escolhi a segunda opção e posso garantir que não há nada mais divertido que ser consultor de ALM. Cada dia em uma empresa diferente, cenários e culturas diferentes, pessoas, processos e ferramentas diferentes, mas todas com um problema em comum: elas querem se tornar empresas de software melhores e elas contam com você pra isso.

Eles vão olhar para você, contar os problemas e exigir uma solução. Com o tempo, você terá as soluções na ponta língua, mas em algum momento, vão pedir para você integrar a solução A, com a solução do concorrente e lá vai você estudar a solução do concorrente, e quando você achar que é o consultor ultra-mega-blaster, algum fornecedor vai mudar toda a pilha de produtos (a Microsoft costuma fazer isso a cada 2 anos) e te fazer estudar tudo de novo. Meu amigo, é desafio e diversão que não acaba mais

ALM vai te fazer ganhar bastante dinheiro

Obviamente, ninguém é masoquista e trabalha, por esporte, diversão ou amor a camisa, pelo menos não só por isso. Em algum momento, vamos querer alguma recompensa por todo esse esforço e, se vier de forma financeira, melhor ainda. E aqui vem a grande notícia…

…Meu amigo, pare e pense: se está difícil achar um programador sênior bom, imagine achar um consultor de ALM? Não precisa nem ser sênior, simplesmente você não acha! Ou a sua empresa forma alguém, ou “rouba” alguém do concorrente, paga peso de ouro e arruma um pouco de confusão para a sua empresa.

O mercado sabe disso, as empresas que trabalham com ALM sabem disso, e nada mais justo esse cara ganhar muito mais que qualquer dev sênior, afinal o cara tem que estudar o tempo todo, porém estudar várias disciplinas.

Neste momento, acredito que, se você ainda não está convencido, está no mínimo curioso para assistir a trilha de ALM do TDC e deixo aqui uma dica para você: Todas as empresas que palestrarão nesta trilha estão contratando, sem exceção. Até a Microsoft está com vaga para consultor de ALM e paga muito bem (pensando bem, nem tanto assim :-)). Caso você queira entrar nesse mundo, venha conversar conosco durante o evento.

Bom galera, é isso, eu quis passar um pouco da minha experiência para vocês e mostrar como essa área de ALM é promissora e porque você precisa assistir essa trilha no TDC.

Pra finalizar, só uma “puxadinha da sardinha” para o meu lado: Nós teremos duas trilhas de ALM no evento. Eu estou coordenando a trilha de Microsoft ALM, plataforma essa que foi eleita recentemente a melhor plataforma de ALM do mercado, segundo o Gartner. Então, fica aí a minha dica para você ir ao evento e assistir a trilha de Microsoft ALM, porém, tenho que comentar que em algum momento, você precisará conhecer boa parte das técnicas e ferramentas que serão abordadas na trilha de Open ALM. Portanto, caso você simpatize mais com essa plataforma, recomendo que a visite também, você aprenderá muita coisa útil para a sua carreira como consultor de ALM :-).

E aí, ficou convencido? Vai assistir a trilha de ALM? Deixe seu comentário abaixo!

Abraços e até a próxima.
André Dias